Zarmina. É um planeta, é grande, não está no Sistema Solar e nem olhando para você

Standard

Descoberto por Steve Vogt, Zarmina, oficialmente chamado de Gliese 581g. o planeta exterior que, mais se parece com a nossa desprezada Terra. Acaba de ter seu retrato divulgado por Raymond Pierrehumbert  pesquisador da Universidade de Chicago.

O Prof. Raymond Pierrehumbert estudou a condição do planeta, clima provável, distância da sua estrela etc… E saiu com uma imagem, no mínimí, interessante.

O nobre professor observou que, considerando que orbita uma estrela anã vermelha, a distância da estrela e chegou a conclusão que: Provavelmente Zarmina tem uma de suas faces sempre voltada para a estrela, um lado está sempre na luz e muito quente, a outra sempre na sombra e muito frio. A vida, se existir, deve existir em uma pequena faixa de transição entre uma face e outra. Além disso, como está muito perto da sua estrela, a gravidade desta deve ter alongado o perfil do planeta. Acrescente a isso que existe a possibilidade que um oceano seja mantido em estado líquido, por efeito estufa, no lado virado para a estrela e que o resto do planeta seja coberto por uma larga camada de e gelo e teremos o olhão.

É claro, que, por enquanto, tudo isso são hipóteses. A própria existência de Zarmina está sendo questionada. O que deixa o sr. Steve Vogt em maus lençóis. Literalmente. Posso a té ver a Sra. Zarmina, sua esposa, lhe dizendo: Nesta cama? Só quando botar meu nome em alguma coisa que realmente exista!

Artigo original aqui.

One thought on “Zarmina. É um planeta, é grande, não está no Sistema Solar e nem olhando para você

Comments are closed.