Um primo distante e semelhante a Terra

Standard

Em três de fevereiro de 2009 o telescópio espacial da agência espacial francesa (Cenes) detetou o menor exoplaneta rochoso já documentado.

O pequeno planeta tem massa menor que duas vezes a massa da Terra, foi denominado COROT-Exo-7b, e orbita sua estrela (corot-exo-7) em ciclos de 20hs. Não confundir com nosso dia, essas 20hs são equivalentes ao nosso ano. O que quer dizer que em um período menor que 24 horas o pobre planeta passa pelas quatro estações. Mais ou menos como em Curitiba.

A temperatura da superfície é tão alta que alguns astronomos acreditam que esta seja formada de lava derretida. Apesar disto, essa descoberta é importante por que é a primeira vez que conseguimos detectar um planeta pouco maior que o nosso. Até agora, a grande maioria dos 330 exoplanetas já descobertos eram gigantes gasosos muitas vezes maiores que júpiter e muito poucos possuem massa comparável a da Terra.

A densidade de Corot-Exo-7b ainda está sob investigação ele pode ser rochoso coberto de lava ou pode ser coberto de água com uma área rochosa. De uma forma ou de outra deve ser um lugar extremamente úmido e quente.

Este não é um caso de fotografia de um planeta fora do sistema solar, Corot-Exo-7b foi descoberto quando os astrônomos analisaram a sua passagem pela frente de sua estrela. Na notícia original há um pequeno gif animado que mostra onde o planetinha está orbitando em relação a sua estrela. No site do projeto há também um pequenino vídeo de 250MBytes

Notícia Original