O Sistema Operacional do Google

Standard

Finalmente, depois de anos de especulação, o Google anunciou oficialmente que está desenvolvendo um sistema operacional.

Parou!!!! O que diabos é o Android? Não é um sistema operacional?

Opa!!! O Android é um sistema operacional desenvolvido para dispositivos móveis. Desta vez estamos falando de netbooks.

“Google Chrome OS is an open source, lightweight operating system that will initially be targeted at netbooks. Later this year we will open-source its code, and netbooks running Google Chrome OS will be available for consumers in the second half of 2010. Because we’re already talking to partners about the project, and we’ll soon be working with the open source community, we wanted to share our vision now so everyone understands what we are trying to achieve.”

Parou de novo!!!  NetBook não é dispositivo móvel?

Isto está me parecendo notícia requentada ou, na melhor das hipóteses, reformatada mas, vamos lá.

Segundo o texto original o sistema operacional está sendo repensado tendo em vista segurança, confiabilidade, velocidade e simplicidade. Uma nova interface gráfica está sendo desenvolvida sobre um kernel Linux e deverá rodar nas arquiteturas x86 e Arm.

penguin
Creative Commons License photo credit: keela84

Bom, parece muito bom. Lembra muito um outro sistema operacional… qual? Pera aí… está na ponta da língua… Lembrei!!! O Android. 🙂

Vamos ao que interessa, um novo concorrente na rua dos sistemas operacionais, fazendo frente ao Ubuntu, OpenSuse, Moblin da Intel e… família Windows.  Esse novo sistema parece confirmar minha aposta que, em breve, muito em breve, o kernel  perderá seu valor como mercadoria e se tornará uma espécie de (como dizer isso de forma simples e sem ofender ninguém? ) BIOS com esteróides.

Para dizer a verdade a Asus já está fazendo isso. Já testou uma destas?

Se isso for verdade, e o linux for finalmente aceito pelo mercado em geral, o que ele merece há muito tempo. Restará a Microsoft desenvolver uma interface gráfica para o kernel. Economizar alguns bilhões de dólares em desenvolvimento de kernel e lançar o Windows 8 For Linux.  E concorrer com o Gnome, Kde, Moblin, Google, etc.. etc.. etc..

Caramba! Será que é por isso que eles andam discutindo licenciamento com a Linux Fundation?

Oh! Deus! Terei contato algum segredo aqui? Desculpem, foi sem querer.