Mito do ChupaCabras Resolvido.

Standard

Jamais pensei que iria escrever sobre o ChupaCabras. As vezes a vida dá voltas, vi a matéria em questão em um site de ciência respeitável. Com links respeitáveis e com duas universidades americanas envolvidas. Então vamos lá.

Em uma pequena cidade do Texas, Cuero, há alguns meses um motorista teve a infelicidade (ou felicidade) de atropelar uma criatura púrpura, parecida com um cachorro e sem pelos. A qual se parece com as descrições feitas do famoso ChupaCabras.

Phylis Canion, a dona da propriedade onde o óbito ocorreu, resolveu que o bicho era estranho em demasia para ser enterrado assim, sem mais nem menos. Dotada de espírito de CSI mandou amostras de DNA para a Universidade do Texas para averiguação, junto com amostras de dentes e ossos.

O resultado é que parece que o monstro é o resultado do crusamento entre coiotes femeas americanos e lobos machos mexicanos (certamente imigrantes ilegais). Ainda serão realizados novos testes para descobrir por que diabos a coisa é púrpura e aparenta chupar sangue. A outra universidade que também está estudando os restos mortais é a Universidade da Califórnia em Davis.

Enquanto isso a moça vai faturando, uma lembrançinha aqui, uma camiseta alí. Todas com temas relacionados a besta apocalíptica que vem aterrorizando fazendeiros do Rio Grande à Terra do Fogo.

Notícia Original