Mais uma da Microsoft: Visual Studio Aberto?

Standard

A Microsoft anunciou que lançará um novo produto chamado Visual Studio Shell. No rastro do eclipse toda a infra estrutura do ide estará disponível gratuitamente sem royalties. Na verdade o modelo da nova ferramenta é tão parecido com o eclipse que a Microsoft irá permitir que a sua empresa possa criar um editor específico ou uma funcionalidade extra e cobre seus clientes pelo uso dessa ferramenta extra. Em outras palavras, a Microsoft sai do nicho de ides dedicadas e cai de corpo e alma no modelo de negócio do eclipse.

Com 8 milhões de desenvolvedores registrados usando o Visual Studio, não contados ai as cópias piratas. A Microsoft não precisaria fazer isso. Exceto se o mercado estiver sinalizando que esses 8 milhões estão indo para o brejo ou se o objetivo seja atrair os milhares de desenvolvedores de software livre e com software livre para a plataforma Visual Studio.

Note-se esse não será um produto com licença compatível com a GPL, portanto não é software livre mas, segundo a empresa, terá uma licença aberta e não restritiva. Uma das restrições não será a plataforma final de desenvolvimento. Será que a Microsoft vai lançar uma ide para desenvolvimento para o GNU/Linux?

Exatamente como o Autor da matéria original eu acredito que a pressão para essa modificação tenha sido originada nos parceiros da MS, justamente os que desenvolvem aplicativos e funcionalidades para o Visual Studio. Afinal, se existe o eclipse, por que diabos minha empresa vai continuar pagando royalties para a MS?

Notícia original em inglês