Japoneses desenvolvem diodo para calor

Standard

Cientistas japoneses divulgaram um paper onde explicam uma nova tecnologia capaz de produzir dispositivos semicondutores térmicos (Acabei de inventar o nome).

diodo de calorO Sr. W. Kobayashi do Waseda Institute for Advanced Study da Universidade de Waseda em Tokyo liderou o estudo que levou a publicação deste paper (datado de 7 de outubro de 2009) onde estão detalhadas as propriedades físicas do primeiro diodo térmico prático.

Composto de dois óxidos de cobalto, com condutividades térmicas diferentes. Com o dispositivo em mãos a equipe de pesquisa foi capaz de realizar experiências de retificação térmica e medir o coeficiente de retificação do dispositivo.

Acredita a equipe que esse novo dispositivo pode abrir as portas para todo um novo tipo de computação. A computação térmica.

Dada a notícia de forma séria e compenetrada, o cara depijama gostaria de dizer que, apesar de não saber o que esses cientistas japoneses estão colocando no sake, ele também quer.

A descoberta é sem a menor dúvida, incrível, fantástica e extraordinária e abre novas possibilidades para o uso do calor que desperdiçamos todos os dias em dispositivos eletrônicos ou não. E pode ser uma porta de entrada para novos computadores, lentos muito lentos, que movidos a energia que, de outra forma seria desperdiçada.

Como disse, não sei o que andam tomando, mas eu também quero.

W. Kobayashi†
Waseda Institute for Advanced Study, Waseda University, Tokyo 169-8050, Japan and
PRESTO, Japan Science and Technology Agency, Saitama 332-0012, Japan
Y. Teraoka
Department of Physics, Waseda University, Tokyo 169-8555, Japan
I. Terasaki
Department of Applied Physics, Waseda University, Tokyo 169-8555, Japan
(Dated: October 7, 2009)