Descoberto o maior buraco negro do universo

Standard

Astrônomos liderados pelo Dr. Mauri Valtonen do Observatório Tuorla Observatory da Finland analisando grandes explosões de energia no Quasar OJ287 encontraram um par de buracos negros. Um deles tendo a massa 18 bilhoes vezes maior que a massa do nosso Sol.

 photo credit: thebadastronomer

Em torno deste gigantesco devorador de matéria existe um menor, muito menor, insignificante. Com apenas 100 milhões de vezes a massa do nosso sol. Praticamente um inseto.

A gigantesca atração gravitacional do mostro determina uma orbita elíptica para o menor que, a cada doze anos se aproxima perigosamente da boca do monstro. Nesse ponto, o menorzinho atravessa a nuvem de matéria que circula o monstro provocando duas imensas explosões de energia em cada órbita. Observando essas explosões a luz da teoria da teoria geral da relatividade foi possível estimar o tamanho do monstro.

Só para colocar as coisas em perspectiva, segundo os astrônomos, não há limites para o volume de um buraco negro. A quantidade de massa devorada depende da sua idade e da quantidade de  matéria disponível. Esse monstro é 3 vezes maior que o segundo colocado, até agora encontrado e se localiza a, confortáveis, 3.5 bilhões de anos luz da sua casa.

Pode dormir sossegado hoje. Em 10.000 anos o monstro deve devorar seu pequeno vizinho (dele) , não você.

A imagem deste artigo é meramente ilustrativa.

Notícia Original