Cientistas chineses criam buraco-negro de bolso

Standard

Cientistas chineses criam um fênomeno eletromagnético de onde a luz não consegue escapar.

Usando materias especificamente desenvolvidos para isso (chamados de metamateriais) cientistas chineses, Qiang Cheng and Tie Jun Cui da Universidade de Nanquim conseguiram criar um simulacro de buraco-negro de onde ondas eletromagnéticas do espectro das microondas não consegue escapar. Essas ondas são atraídas pelo núcleo do objeto (aproximadamente 70 cm de diâmetro) e convertidas em calor.

A técnica tem aplicações que vão desde blindagem eletromagnética até o aproveitamento de outros comprimentos de radiação solar para a geração de energia. A técnica está descrita com detalhes em um paper diponível online.

Buraco negro chinês

O que excita minha imaginação é essa fixação com buracos-negros que temos atualmente.  Minha mãe dizia que quem brinca com fogo amanhece mijado. Esse fogo em questão pode fazer toda a galãxia amanhecer mijada. Ou não amanhecer.